Postagens

CADA UM NO SEU QUADRADO

Imagem
O governador subiu o tem e deu o seu recado: Quem governa no Distrito Federal é ele, Ibaneis Rocha. No tão propalado estado de Direito Democrático, implantado nos últimos governos do PT, as interferências dos poderes estava se tornando quase uma regra, trazendo insegurança jurídica e até mesmo desgastes graves para os poderes em atrito, mas no governo do Distrito Federal as coisas começaram diferente. O Governador Ibaneis Rocha, quando inquirido pelo MP a respeito de suas nomeações em cargos de competência governamental devolveu o questionamento com o recado de que no governo quem manda é ele.

Os nomes estão indicados e eu não tenho motivo para retirar nenhuma nomeação. O Ministério Público pode pedir o que ele quiser. Vivemos em um país que quem mais lutou pela democracia foram os advogados como eu. Ministério tem o direito de investigar e eu, de nomear. Disso eu não vou abrir mão”. Ibaneis Rocha

Eu não volto atrás. O Ministério Público administra a vida dele, e quem administra a minha…

O PESADELO DO PARENTE

Imagem
Foi lançado por Ibaneis um convênio com a Polícia Militar para formar alunos em quatro escolas públicas do DF. Os locais escolhidos foram a Estrutural, Ceilândia, Recanto das Emas e Sobradinho, em decorrência do "baixo desempenho" escolar existentes e o "alto índice de criminalidade" das regiões. O secretário de Educação, Rafael Parente defensor durante anos das práticas adotadas pelo governo do PT, engoliu calado as reformas determinadas pelo governador e atuará em regime de harmonia com o comando da polícia militar.

Na tentativa de uma saída honrosa ele declarou que as ações da PM não deverão influenciar o currículo pedagógico, ressaltou ainda que os militares vão ajudar na formação disciplinar de alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e do ensino médio. “"Esse é mais um projeto piloto, assim como outros que serão testados. Vamos avaliar os custos e os resultados, para decidirmos se vale a pena ampliar", disse Parente, querendo dar o tom de que  a ú…

O DECRETO POPULISTA

A notícia mais badalada pelos internautas hoje foi, sem dúvida alguma, a nomeação do filho do general Mourão no gabinete do Banco do Brasil. 
A Constituição Brasileira virou uma verdadeira colcha de retalhos cheia de leis que proíbem o que a Carta Magna determina. O direito ao trabalho e à dignidade da pessoa humana é desconhecido quando se trata de empregos de familiares de gestores nas esferas governamentais, partindo assim do pressuposto de que todos eles são corruptos, o que também contraria a Constituição do país. A história tem mostrado que leis populistas como a do nepotismo não funcionam como antídoto contra a corrupção.Estamos vendo nesta última década que ela existe quando o gestor é corrupto, e acontece com a ajuda ou não de assessores comissionados ou de carreira, tudo depende de quem tem a caneta. Hoje os familiares de gestores públicos e de políticos são verdadeiros párias, não podem nada, são apontados como escórias, tem a vida revirada pela mídia, são motivos de noticias…

AGORA É A VEZ DE CARLOS BOLSONARO

Imagem
Acuada  pelo novo governo eleito, a rede Globo continua investindo contra os Bolsonaros, tudo vale para arranquear noticias conflituosas que possam gerar sentimentos contra o atual governo. desta vez foi a jornalista Patrícia Lélis, ex- namorada de Carlos Bolsonaro, filho do presidente foi quem protagonizou as denuncias, que foram divulgadas pelo Extra, um certo Blog, advinha ligado a quem? Veja você mesmo;

Assim nascem os fakes, confundem nomes, denigrem pessoas e tudo fica por isso mesmo.
Até quando?

MCLNetto
08/012019

DECRETO EMERGENCIAL PARA RECUPERAR SAÚDE DO DF

Imagem
Decreto de estado de emergência nasce com término definido de 150 dias, com as seguintes permissões: aquisição imediata de medicamentos e insumos sem licitação, convocação de concursados, contratação de servidores e extensão da carga horária de trabalho. Foi autorizado ainda a possibilidade de horas extras, para os profissionais que queiram finalizar os milhares de atendimentos e cirurgias pendentes, além da contratação de profissionais que estão aposentados e que querem voltar à ativa com gratificação. Inicia-se uma nova fase na Secretaria de Saúde do DF com a determinação do governador de mutirões de atendimentos e cirurgias e a adequação e contratação de pessoal necessário para o bom atendimento médico à comunidade. Após conhecer bem o sistema de gestão do Instituto de Base, o governador Ibaneis Rocha entende que que é um modelo que pode ser replicado em outras unidades, sabe que terá apoio dos servidores e da comunidade, que há tanto tempo almejam melhores condições de trabalho e a …

URBITÁ A CIDADE DO FIM DE GOVERNO

Imagem
No apagar das luzes do governo Rollemberg o Correio Brasiliense traz uma notícia na pág. 17, Cidades, de 23/12/2018, que alvissarou os brasilienses e trouxe uma serie de indagações?
Uma nova cidade, que vai abrigar 118 mil moradores num amplo espaço cercado de parques e prédios de até 10 andares, que não terão cercas ou grades, interagindo entre si, compondo o novo modelo habitacional proposto para a classe média alta por empreendimento particular foi o projeto desenvolvido com discrição máxima por incrível que pareça na última década e que teve sua aprovação no Conselho de Planejamento territorial urbano quinze dias antes do termino da atual gestão governamental.
Os questionamentos são muitos:
Porque tanto segredo numa época que todos exigem a transparência?
Qual será o impacto ambiental?
Surge uma nova Aguas Claras; sem nem ter ainda resolvido os problemas que os grandes prédios da primeira trouxeram para o DF?
Quais as dificuldades que o novo governo enfrentará em relação ao trafego já …

DEPUTADOS NOVOS, POLÍTICA VELHA!

Imagem
Pelas notícias veiculadas sobre a composição do Governo Ibaneis a velha política de distribuição de cargos já entrou na veia dos novos ocupantes da Câmara Legislativa, contrariando todas as propagandas políticas que fizeram durante a campanha onde o tom era: “Não reeleja nenhum deputado. Escolha o novo. Faça diferente”. Antes de começar já estão fazendo igual
Parece que a mudança foi só no nome, e no CPF.
O mais sério é que já andam fazendo ameaças de atrapalharem o governo que vai assumir 2019, esquecendo-se de que a função do deputado não é a de colocar seus assessores em Administrações e nem tampouco nas Secretarias do GDF, mas sim de legislar em favor do povo, ser o interlocutor entre as aspirações populares e o governo e fiscalizar o executivo, sem rancor por não ter sido aquinhoado com um espaço de poder. Aos que forem convidados a participar o agradecimento é de bom tom. Essa deve ser a convivência com o Executivo, tão apregoada e parece que já esquecida Os novos eleitos vão desco…

BRASÍLIA, A NOVA CURITIBA

Imagem
Acorda Brasil, que os tempos que virão serão outros. Mas parece que sofremos de uma doença rara, onde a letargia e o Alzheimer político se fazem presentes. A cada escândalo de corrupção que foi divulgado no Brasil sempre aparecia alguém para joga-lo para debaixo do tapete. Agora acabou o tapete.
O mensalão abriu as porteiras para a corrupção desenfreada, em todos os níveis de poder, quando o presidente Lula falou a célebre frase: “Não sei, não vi! ” E nada fez ao tomar conhecimento das graves denúncias sobre propina para os deputados. Naquele momento os corruptos sentiram que a porta estava aberta, era só assaltar o caixa, desde que existisse a parcela do PT todo mundo podia levar o seu.

Este tempo passou, e as manobras do Congresso para fortalecer o poder dos corruptos não vai prevalecer, pelo contrário, tudo ficou muito mais difícil. O DF hoje é a nova Curitiba. Sérgio Moro não vai nem precisar de pedir avião da FAB para levar a turma para a Papuda. Vamos ver muita gente gritando, fak…

IBANEIS - O ARTICULADOR

Imagem
Rápido nos pensamentos e ágil nas decisões, o futuro governado do Distrito Federal sabe o que fazer, como fazer e onde quer chegar. Pró ativo, busca resultados e vem pouco a pouco montando o quadro de auxiliares numa mesclagem feita com maestria, garantindo um quadro técnico de alta qualidade e também o perfil político, atraindo assim o apoio de partidos expressivos para o seu governo.

Busca o novo, a competência, o trabalho as propostas viáveis e o sucesso. Brasília entra para o cenário nacional à medida que nomes consagrados em gestão de Ministérios vêm fazer parte do processo administrativo do DF. Eles conhecem a máquina federal e será bem mais fácil buscar apoios e parcerias.

Ibaneis está construindo sua imagem de estadista que governa olhando para o futuro, sem picuinhas, além de partidos. Conseguiu trazer a doçura e o respeito à família, carregando consigo seu filho em agendas importantes como a da visita ao Presidente da República. Este é o primeiro ensinamento que vai deixar …

IBANEIS PAUTA AÇÕES PARA ROLLEMBERG

Imagem
O governador Rollemberg, ao apagar das luzes, resolveu fazer as pazes com o sistema produtivo e regulamentar a lei sobre remissão de créditos tributários/ICMS.
Com medo de perder receita, Sua Excelência não regulamentou a Lei Complementar nº 160, de 7 de agosto de 2017, que poderia ter impedido a saída de várias empresas do DF para outros estados, além de trazer novas empresas para o Distrito Federal.
Sabemos que a agilidade e a gestão estratégica nunca foram uma habilidade do governador, pena que o Ibaneis não tenha estado com ele mais vezes, porque poderia ter influenciado mais, mostrando decisões assertivas, como foi o caso dos incentivos fiscais, uma das propostas de campanha do candidato Ibaneis Rocha, que Rollemberg quer ir na garupa.

O PREÇO DE LUTAR CONTRA A CORRUPÇÃO

Imagem
Inconformado com a impunidade do doleiro Youssef, que mentia durante as delações, saindo sempre ileso, o policial federal, Gerson Machado, iniciou um trabalho meticuloso sobre Yousseff, que culminou com a abertura da operação Lavajato.

Sofrendo fortes pressões, e debaixo de grande stress teve momentos de ira desenfreada, motivo que os inimigos da LavaJato aproveitaram para afastá-lo da Policia Federal, apesar de laudo médico que atestava ele estar apto para voltar à  ativa, depois de tratamento a que foi submetido.
Foi o grande cérebro das investigações. Sua história vem mostrar o peso da maquina do governo contra os que se levantam contra ela.

Esperamos que o Presidente da Republica, Jair Bolsonaro, venha resgatar a imagem deste homem que  teve a coragem de investigar e abrir a maior operação contra a corrupção do Brasil, e certamente é uma das maiores do mundo.

 Assista a série do Netflix, 'O Mecanismo" e no Now a série "A Lei é para todos - Polícia Federal" e e…

IBANEIS, O XADREZ DO MDB

Imagem
O frisson no meio político foi grande quando veio a público a notícia de que o MDB havia convidado o ex presidente da OAB para se filiar ao partido, com a possibilidade de ser o seu candidato oficial ao Buriti. 

SAIBA MAIS SOBRE IBANEIS ROCHA Ibaneis Rocha, foi o primeiro advogado brasiliense a comandar a OAB-DF. Cursou Direito, no Uniceub, é pós-graduado em Direito e Processo do Trabalho e Processo Civil.

Sua atuação na OAB iniciou quando foieleito conselheiro seccional, pela chapa Pela Ordem.  Ibaneis assumiu a vice-presidência da OAB-DF em 2008. Presidiu, ainda, o Órgão Especial do Conselho Pleno e foi secretário da Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.

Reconhecido nacionalmente como defensor dos direitos dos advogados, atuou em causas polêmicas conhecidas, como a luta que capitaneou para garantir o trabalho dos advogados que fizeram a defesa dos acusados no processo do "Mensalão" durante…

IBANEIS TINHA RAZÃO, ROLLEMBERG USA DEBATE SÓ PARA DENEGRIR

Imagem
Ibaneis tinha razão, quando não aceitou mais ir para os debates. Durante todos os que compareceu o candidato Rollemberg só falou como papagaio, não respondeu de forma correta às perguntas que lhe foram dirigidas, saindo pela tangente, sempre fora do debate de ideias, usando os espaços para mostrar o que está fazendo nestes últimos seis meses, numa tentativa de conseguir votos, e fazendo acusações que denegriam seus opositores sem provas, algumas  forjadas ou ainda maquiadas. Não deu certo. A população de hoje já conhece a forma de governar de Rollemberg, arrogante, autoritário e só com seu grupo bem pequeno de aliados.
O CB de hoje trouxe a entrevista que fez com o candidato Rollemberg ontem e mesmo sozinho, com tempo suficiente para mostrar o que vai fazer, teve a mesma postura e perdeu tempo precioso falando mal do concorrente, tentando trazer o medo, a desconfiança de dias melhores para o DF, caso ele não seja eleito. Esqueceu que a maioria da população já sabe quem é Rollemberg, e …

O DESESPERO DO PERDEDOR ROLLEMBERG

Imagem
O candidato já derrotado, Rodrigo Rollemberg, tem mostrado para a população a sua verdadeira face, coisa que muitos nem imaginavam.
Sempre foi intolerante com a população, isolou-se nos três primeiros anos não atendendo nenhuma categoria de servidores para dialogar, pelo contrário não perdeu nenhuma oportunidade para denegri-los. Arrogante, como poucos, agindo às escondidas perseguiu deputados, mentiu para a imprensa, maquinou fatos e mentiu antes de ser eleito e durante seu mandato. Nestas eleições soltou toda a sua personalidade e maldade trazendo discórdia dentro dos partidos e entre os seus opositores e criando grupos de guerrilhas que postaram fakes para atingir a honra de seus opositores. Chega na reta final sem a mínima possibilidade de ganhar as eleições ameaçando o seu opositor, em jornal que sempre foi mantido pelo governo, com a história da carochinha de que Ibanês seria cassado. Se fosse verdade ele deveria estar feliz, e não desesperado como está, devia estar comemorando, p…

ROLLEMBERG - RUMO DE CASA

Imagem
Cada político imprime o seu jeito de ser, de acreditar, de ver o mundo quando no exercício de funções públicas legislativa ou executiva. Ninguém dá o que não tem!
O governador Rollemberg não podia fazer diferente do que fez, erramos todos nós que acreditamos no candidato, porque sua vida política pregressa indicava outros rumos, bem diferentes do que ele nos apresentou na eleição de 2014. Ninguém se preocupou, como ele hoje faz com seus adversários, em saber como atuavam os auxiliares que o acompanharam durante anos a fio. A turma dos segredos sempre foi mantida com cargos altos e deferências, afinal guardam informações que valem ouro.
Rollemberg, sempre atento a manobras que podiam mantê-lo no poder esqueceu-se de avaliar o novo momento político que o Brasil vive, impregnado de tecnologia da informação. Whatsapp, redes sociais, áudios vídeos, dentro e fora dos palácios foram usados para manter o poder, mas outros foram feitos por “amigos” que se sentiram ameaçados e se sujeitaram ante …

O QUE FIZ ONTEM RECEBEREI HOJE.

Imagem
A política é uma máquina engenhosa que gratifica a existência de muitos e destrói pessoas, consciências, sonhos e famílias.    A vida cheia de honrarias, festas, condecorações, subserviência dos mais próximos um dia acaba, geralmente quando finaliza o tempo do poder, então vem as traições, os abandonos e       esquecimento.  E o engraçado  é que, na reta final,  os maiores defensores que tiveram serão os seus maiores  algozes.

    Hoje vejo muitos políticos sendo vítimas das mesmas ações de difamação que um dia ajudaram  a construir contra um amigo, ou um colega de parlamento que estava no seu caminho rumo ao sucesso. Bem dizia o dito popular: “ Não cuspa para o alto porque volta e cai na tua cabeça”.
   Na realidade o povo, a  nossa nação precisa mesmo é de conhecer a palavra de Deus e a praticar.

MCLNetto

IBANEIS, A ZEBRA DAS ELEIÇÕES DE 2018

Imagem
A política muitas vezes entra na vida das pessoas quando elas assumem a direção de um grêmio estudantil, sindicato, ou um órgão classista. Quando a gente se prontifica a defender não só o interesse próprio, mas volta os olhos para o da coletividade que representa. Foi dessa forma que nasceu o político Ibaneis Rocha. Nasceu do trabalho e do estudo, horas e horas em cima dos livros procurando decisões jurídicas que ajudassem nas soluções dos problemas que deveriam ser resolvidos. Solucionar problemas sempre foi a força motriz em toda sua vida profissional. Trabalho sério é sempre recompensado, foi assim que cresceu e se notabilizou. Gestão, seriedade, respeito e trabalho tem sido a marca de sua trajetória.
Vários amigos, após Ibaneis finalizar seu mandato como presidente da OAB sugeriram que ele devia entrar para a política, que poderia contribuir muito para a melhoria do Distrito Federal. Incentivado por muitos, acabou cedendo e manifestou a vontade de se candidatar a governador. Iria …